"Tesouro" no subsolo do oceano Pacífico

Grande quantidade de minerais raros foi detectada no fundo oceânico por cientistas japoneses.

Grupo coordenado pelo geólogo Yasuhiro Kato, da Universidade de Tóquio, identificou no subsolo do Pacífico vastas zonas muito ricas em minerais raros, como o ítrio, que hoje são indispensáveis às indústrias ligadas às altas tecnologias e à electrónica. Os investigadores recolheram mais de duas mil amostras em 78 pontos a quatro e cinco mil metros de profundidade.

Leia mais pormenores no e-paper do DN

Ler mais

Premium

Rosália Amorim

"Sem emoção não há uma boa relação"

A frase calorosa é do primeiro-ministro António Costa, na visita oficial a Angola. Foi recebido com pompa e circunstância, por oito ministros e pelo governador do banco central e com honras de parada militar. Em África a simbologia desta grande receção foi marcante e é verdadeiramente importante. Angola demonstrou, para dentro e para fora, que Portugal continua a ser um parceiro importante. Ontem, o encontro previsto com João Lourenço foi igualmente simbólico e relevante para o futuro desta aliança estratégica.