O asteróide troiano que escuda a Terra

Depois de Júpiter, Marte e Neptuno, a Terra é o quarto planeta a ter um asteróide que acompanha a sua órbita. O 2010 TK7 encontra-se a 80 milhões de km da Terra

Tem 300 metros de diâmetro e chama-se 2010 TK7, o pequeno asteróide que acompanha a Terra, precedendo-a na sua órbita em torno do Sol. Esta descoberta foi publicada ontem na revista científica britânica Nature.

A Terra torna-se assim o quarto planeta do sistema solar a ter como companheiro pelo menos um asteróide troiano. Este termo designa asteróides posicionados sobre a órbita de um planeta num dos pontos de equilíbrio estáveis chamados pontos de Lagrange. Estes acompanham o planeta na sua órbita em torno do Sol, precedendo-a ou seguindo-a, segundo um ângulo bem definido. "Como precedem ou seguem sempre a mesma órbita do que o planeta, não há risco de colisão", explicou a NASA num comunicado citado pela AFP.

Leia mais pormenores no e-paper do DN.