Gelo seco pode ter provocado sulcos nas dunas de Marte

A Agência Espacial norte-americana acredita que os sulcos detetados nas dunas de Marte podem ter tido origem em blocos de CO2 congelado e não em água.

A suspeita, publicada esta terça-feira no site da NASA, parte da observação das imagens captadas pela sonda espacial Mars Roconnaissence Orbiter e de experiências realizadas nas dunas de areia em Utah e Califórnia.

"Sempre sonhei ir a Marte", afirmou Serina Diniega, na Nasa. "Agora sonho em fazer 'snowboard' sobre um bloco de gelo seco numa duna de Marte", acrescentou a cientista.

Os sulcos nas dunas de Marte apresentam largura relativamente constante e, ao contrário do que acontece na Terra, com a erosão provocada pelos fluxos de água, em Marte não há acumulação de detritos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG