Estrela a 12 anos-luz tem planeta na "zona habitável"

Investigadores liderados por astrónomos da Universidade de Hertfordshire, no Reino Unido, descobriram que a estrela Tau Ceti, visível a olho nu a partir da Terra na constelação de Baleia, tem cinco planetas. Um deles na chamada "zona habitável".

Tau Ceti encontra-se a apenas 12 anos-luz da Terra e é muito parecida ao Sol, em massa e radiação. Daí que os cientistas sempre tenham olhado para ela à procura de sinais de vida, mas até agora não tinham descoberto nada.

Foi necessário uma nova técnica que combinou mais de seis mil observações de três diferentes instrumentos para poder encontrar os cinco planetas, cujas massas variam entre duas e seis vezes a da Terra. A nova técnica permite encontrar sinais com metade do tamanho do que se julgava possível.

"Escolhemos Tau Ceti porque pensávamos que não havia sinais. E ela é tão brilhante e parecida com o nosso sol que acaba por ser um teste ideal para o nosso método de deteção de pequenos planetas", explica num comunicado Hugh Jones, da Universidade de Hertfordshire. Além de cientistas do Reino Unido, estiveram envolvidos no estudo publicado na revista 'Astronomy & Astophysics' investigadores do Chile, dos EUA e da Austrália.

Um dos cinco planetas descobertas encontra-se na "zona habitável", nem demasiado quente nem demasiado fria, que poderá permitir a existência de uma atmosfera e de água em estado líquido - logo, de vida.

Esta descoberta confirma a ideia de que "auase todas as estrelas têm planetas e que a galáxia deve conter um grande número de planetas potencialmente habitáveis de um tamanho próximo do nosso", afirmou Steve Vogt, da Universidada da Califórnia, em Santa Cruz.

Já foram descobertos mais de 800 planetas em redor de outras estrelas. "Quando olhamos para o céu noturno, vale a pena pensar que podem haver mais planetas que estrelas... alguns dos quais habitáveis", explicou Chris Tinney, da Universidade de New South Wales.

Exclusivos