Descoberto monstro marinho com 244 milhões de anos

Fósseis foram encontrados por equipa internacional numa região central do deserto do Nevada, nos Estados Unidos

O Thalattoarchon saurophagis era um rei dos mares. Com 8,6 metros de comprimento, este gigante tinha dentes fortes e aguçados que lhe permitiam atacar presas com o seu próprio tamanho. Os fósseis foram encontrados em 2010 por uma equipa internacional de paleontólogos e o seu estudo, que permitiu identificar a nova espécie, foi publicado hoje na Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS).

O seu nome científico, Thalattoarchon saurophagis, que significa "rei dos mares comedor de lagartos" refere-se à sua natureza de predador marinho gigante. Na sua época, ele foi o precursor dos famosos ictiossaurus, um grupo de répteis marinhos mais tarde contemporâneos dos dinossauros.

Além de precursor dos répteis marinhos do Jurássico, este colosso dos mares que reinou no Triásico, mostra também que ele emergiu como predador marinho apenas oito milhões de anos após um dos maiores episódios de extinção em massa, no final do período Permiano, em que 80 a 96% das espécies que então viviam na Terra desapareceram.

Para a equipa, que foi coordenada pelos paleontólogos Nadia Fröbisch e Jörg Fröbisch, do Museum fur Naturkunke, em Berlim, Alemanha, isso mostra que, após o episódio de extinção global, houve uma evolução rápida de novos ecossistemas, o que é algo que até agora não sabia.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG