Comunidade científica homenageou Mariano Gago

Ao meio-dia de hoje, centros de investigação, universidades, politécnicos e centros Ciência Viva pararam atividades e aplaudiram o antigo ministro da Ciência

Hoje, ao meio-dia, investigadores, professores e estudantes dos centros de investigação científica, das universidades , dos politécnicos e dos centros Ciência Viva de todo o país homenagearam o antigo ministro da Ciência José Mariano Gago, falecido na sexta-feira, com uma paragem de cinco minutos das suas atividades e uma concentração no exterior dos respetivos edifícios.

A iniciativa partiu de um grupo de cientistas de vários centros do país que pretendeu com este gesto manifestar o "reconhecimento público da comunidade científica nacional" pelo contributo de Mariano Gago para a ciência portuguesa."O professor Mariano Gago impulsionou e marcou profundamente a ciência em Portugal nas últimas décadas, contribuindo decisivamente", primeiro como presidente da JNICT e depois "enquanto ministro da Ciência, para o desenvolvimento do sistema científico nacional em muitas das suas vertentes", referiu o grupo em comunicado.

Por todo o país gerou-se uma rápida adesão à homenagem por parte dos laboratórios de investigação, universidades, politécnicos, bem como dos centros da rede nacional Ciência Viva, que Mariano Gago criou quando era ministro.

Foi assim também no Instituto Superior Técnico (IST), onde Mariano Gago era professor catedrático, no departamento de Física. Às 12.00 em ponto, uma pequena multidão juntou-se ali, na frente do pavilhão central, e só rompeu o silêncio oito minutos depois para um prolongado aplauso.

"É uma homenagem mais do que justa",disse ao DN o professor e investigador João Sentieiro, do Instituto Superior Técnico, que foi presidente da Fundação para a Ciência e Tecnologia entre 2006 e 2011, quando Mariano Gago teve a pasta da Ciência, da Tecnologia e do Ensino Superior. "Ele sabia que o desenvolvimento do país não era possível sem a ciência e, com a sua enorme de capacidade de agregar equipas, conseguiu construir um sistema científico no País e assim projetá-lo a nível internacional nesta área", afirmou ainda João Sentieiro, sublinhando que "o professor Mariano Gago era um cidadão exemplar e respeitadíssimo a nível internacional".

Para Pedro Sereno, presidente da Associação de Estudantes do IST, "esta cerimónia foi demonstrativa do que o professor Mariano Gago foi", como comentou ao DN. "Sempre se mostrou disponível para participar em iniciativas da nossa associação e, por isso estamos muito gratos, e por tudo o que ele representou", sublinhou.

Testemunhos vários e fotografias da homenagem feita hoje pela comunidade científica por todo o país podem ser vistos aqui http://www.marianogago.org/

Físico, cientista e antigo ministro da Ciência, José Mariano Gago faleceu na sexta-feira, vítima de cancro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG