Asteróide potencialmente perigoso passa perto da Terra

Dois asteróides estão prestes a passar perto da Terra. Um deles passa tão perto que poderá ser visto através de telescópios.

Dois grandes blocos de rocha, designados QG42 2012 e QC8 2012, foram avistados pela primeira vez através dos telescópios de Catalina Sky Survey, no Arizona, Estados Unidos, a 26 de agosto de 2012. Desde esse dia que os asteróides aceleram em direção à Terra e à Lua, e atingirão o ponto mais perto esta noite.

O asteróide QC8 tem cerca de um quilómetro de diâmetro e o máximo que se aproximará da Terra é 8.7 milhões de quilómetros, o que equivale a 23 vezes a distância que nos separa da Lua.

Já o QG42, que mede entre 190 e 430 metros - sendo portanto mais pequeno - passará muito mais perto, podendo ser observado da Terra, numa visão a que os astrónomos designarão de "estrela da noite".

O QG42 é aproximadamente do tamanho de um prédio de 14 andares e está oficialmente classificado pelos especialistas como um asteróide potencialmente perigoso, devido à proximidade da Terra; apenas 2,8 milhões de quilómetros do nosso planeta.

Segundo o cálculo orbital, o QG42 não representa qualquer perigo para a Terra mantendo a rota, no entanto será o asteróide com maior aproximação nos últimos cem anos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG