Arqueólogos encontram monumento anterior aos Vikings

Arqueólogos suecos anunciaram hoje ter encontrado o maior monumento da idade do ferro no país, na 'Velha Upsal', uma localidade a sete quilómetros a norte da cidade de Uppsala, a norte de Estocolmo.

Esta localidade foi de grande importância na idade do ferro, antes dos Vikings. Os trabalhos de escavação no local para a construção de uma nova linha férrea, a cerca de 70 quilómetros a norte de Estocolmo, pararam quando foram encontradas duas fileiras de colunas em madeira.

Em comunicado, uma arqueóloga do Conselho do Património sueco, Lena Borenius-Joerpeland, indicou que o monumento, a 200 metros de um importante local funerário da idade do ferro escandinava, data aparentemente do século V antes de Cristo.

A maior fileira estende-se ao longo de um quilómetro e tem 144 colunas, enquanto a fila mais curta tem metade do tamanho da primeira. "As colunas eram altas, talvez entre oito a dez metros (...) eram visíveis de longe e marcavam provavelmente o acesso à Velha Upsal", disse Borenius-Joerpeland. "Isto poderá ser uma marca territorial ou uma demarcação de ordem religiosa", referiu.

Atualmente, só são visíveis alguns restos de colunas e os buracos onde foram colocados. Os investigadores encontraram também várias ossadas de cavalos, vacas e porcos nos buracos dos pilares, prova - na sua opinião - da realização de sacrifícios de animais. Na idade do ferro, na Escandinávia, a Velha Upsal era um importante centro de comércio, religioso, de artesanato e da administração judicial.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG