O metro de Lisboa vai ter 42 novas carruagens e vão ser assim

A entrega das primeiras carruagens está prevista para o segundo semestre de 2022.

O Metropolitano de Lisboa (MT) assinou, este sábado, um contrato de aquisição 14 novas unidades triplas, ou seja, 42 novas carruagens com um sistema de controlo automático. As primeiras deverão ser entregues no segundo semestre de 2022 e as últimas têm até 2023 para entrarem no circuito.

Está prometido mais espaço, janelas maiores e uma área mais ampla entre os bancos, que passam a estar distribuídos junto às janelas, de forma longitudinal, em vez de em grupos de quatro. O contrato prevê ainda uma melhoria na sinalização das linhas e implica um investimento de 114,5 milhões de euros, segundo o metropolitano.

"A aquisição de 14 novas unidades triplas vai melhorar a oferta de comboios e serviços do ML, permitindo mais conforto e acessibilidade para os clientes, bem como um sistema de comunicação com os clientes que vai permitir informação variável e flexível e sistemas de segurança e vídeo vigilância mais modernos", afirmou a empresa, em comunicado.

O metro de Lisboa comemorou 60 anos, em dezembro de 2019. Um aniversário marcado pelo atraso nas obras de expansão do transporte, que deveria chegar à Estrela e a Santos, ainda este ano. Também a proposta do Governo para a criação de uma linha circular foi suspensa, na semana passada, a partir de uma proposta do PAN.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG