Quando um euro vale 14 561€

Treze apostas múltiplas transformaram um euro em prémio de quase 15 000 no Placard.pt

No passado sábado dia 11, um português decidiu apostar um euro no site placard.pt. Um decisão arriscada, mas que se revelou bem lucrativa. O risco? Falhar um dos 13 resultados. A vantagem? Nas apostas múltiplas os ganhos são sempre a multiplicar. O resultado? Perto de 15 mil euros de ganhos.

É sabido que nas apostas múltiplas as cotas são multiplicadas e que isso torna a exatidão nos prognósticos bem mais lucrativa. Com palpites certeiros sobre jogos que variavam entre o Porto - Chaves, o Newcastle-Tottenham (Inglaterra), o Lille-Rennes (França) ou o Arminia B - D. Dresden (Alemanha), a aposta feita online acabou por ser revelar bem lucrativa - ganhos de 14 561,16€.

Ler mais

Premium

Henrique Burnay

Discretamente, sem ninguém ver

Enquanto nos Estados Unidos se discute se o candidato a juiz do Supremo Tribunal de Justiça americano tentou, ou não, há 36 anos abusar, ou mesmo violar, uma colega (quando tinham 17 e 15 anos), para além de tudo o que Kavanauhg pensa, pensou, já disse ou escreveu sobre o que quer que seja, em Portugal ninguém desconfia quem seja, o que pensa ou o que pretende fazer a senhora nomeada procuradora-geral da República, na noite de quinta-feira passada. Enquanto lá se esmiúça, por cá elogia-se (quem elogia) que o primeiro-ministro e o Presidente da República tenham muito discretamente combinado entre si e apanhado toda a gente de surpresa. Aliás, o apanhar toda a gente de surpresa deu, até, direito a que se recordasse como havia aqui genialidade tática. E os jornais que garantiram ter boas fontes a informar que ia ser outra coisa pedem desculpa mas não dizem se enganaram ou foram enganados. A diferença entre lá e cá é monumental.