"Salário de Mexia é chocante"

Mira Amaral, ex-ministro de Cavaco Silva e actual presidente do Banco BIC, considera que a remuneração do presidente da EDP é "economicamente chocante". António Mexia vai receber 3,1 milhões de euros em 2009, valor que incluiu a remuneração fixa, os prémios do ano passado e os bónus plurianuais do triénio 2006-2008, período em que a eléctrica cumpriu os objectivos defendidos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG