Preços no consumidorbaixam 1,3%

Os preços no consumidor caíram 1,3% em Agosto, em relação ao ano passado, pressionados por saldos históricos no vestuário e por uma forte descida nos bens alimentares, em resultado da agressiva concorrência entre supermercados. A inflação média anual, usada como indicador nas actualizações de rendas e nas negociações salariais da função pública, recuou para inéditos 0%, sem habitação, ficando em 0,1%, no total. As maiores descidas no cabaz de produtos, face ao que os consumidores pagavam em Agosto de há um ano, verificaram-se nos bens alimentares e bebidas não alcoólicas (-6,3%), lazer (-2,7%), transportes (-2,7%) e no vestuário e calçado (-2,4%). Pelo contrário, a educação (+3,5%), as bebidas alcoólicas e tabaco (+2,9%) e restaurantes (+2,7%) pesaram mais no bolso das famílias.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG