Bancos: 1ª subida das avaliação das casas desde 2007

O valor das casas aumentou 1,7% no segundo trimestre. O Algarve é a região onde a avaliação das casas por m2 é mais elevada

Pela primeira vez desde finais de 2007, o valor das casas aumentou. De acordo com a avaliação dos bancos, o preço do metro quadrado foi em Portugal Continental de 1168 euros no segundo trimestre do ano, mais 1,7% que nos três meses anteriores. No entanto, o valor das casas está ainda 1,5% mais baixo que em 2008, revela o Instituto Nacional de Estatística (INE).

O Algarve é a região onde o valor das casas é mais elevado - 1429 euros por m2, mais 2,1% que nos primeiros três meses deste ano, mas 3,8% abaixo dos valores de 2008. Segue-se Lisboa e Vale do Tejo, onde o metro quadrado vale 1320 euros, mais 1,8% que no trimestre anterior e 1,4% abaixo do preço verificado na mesma altura do ano passado. O Centro tem as avaliações mais baixas: 961 euros por m2.

Numa análise mais detalhada, verifica-se que o valor das casas na Área Metropolitana de Lisboa sofreu um agravamento de 2,2% em relação ao trimestre anterior, estando apenas 0,5% abaixo dos valores de 2008; na Área Metropolitana do Porto apenas aumentou 1% face aos três meses anteriores e está ainda 1,8% abaixo do ano passado.

Curiosamente, são os apartamentos que estão a valorizar mais - subida de 1,7% face ao trimestre anterior, e uma descida de apenas 0,8% face ao ano passado; enquanto as moradias viram as suas avaliações crescerem somente 1,5%, estando com uma quebra de 2,0% relativamente ao mesmo mês de 2008. E se nos apartamentos a regra parece ser quanto maior, melhor - os T5 ou superior valorizaram 5,9% - , nas moradias o fenómeno é inverso: a avaliação das vivendas T1 ou inferior registou um agravamento de 9,4%, tendo as tipologias T5 ou superior registado quebras de 3,2%.