Autores

Agosto (s)em Portugal: a saudade aumentada dos que não vêm de férias

Há milhares de emigrantes portugueses que este ano não vêm de férias a Portugal, devido à pandemia. A maioria fá-lo por receio do contacto com os mais velhos, mas há outras motivações: a perda de rendimento ou a pressão dos patrões para a eventualidade de uma quarentena - não paga. A secretária de Estado das Comunidades diz ao DN que no final de agosto o Governo já deve ter esses números, cruzando vários dados, como os das operadoras telefónicas

Nanopartículas eliminam vírus nos materiais usados em lares e hospitais

Uma equipa da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto está a trabalhar num projeto que pode revolucionar a prevenção da covid-19, no âmbito do LAVQ (Laboratório Associado para a Química Verde), que integra investigadores de diferentes universidades e politécnicos de todo o país. Este texto foi publicado originalmente no dia 5 de julho e faz parte de um lote de trabalhos relacionados com a covid-19 que o DN está a republicar.

PSP tem 8 mil agentes com mais de 45 anos

O maior grupo etário na PSP é aquele que tem entre 50 e 54 anos, e a média de idades rondará os 45. Os dados constam do balanço social da polícia que acaba de ser revelado. Não traz grandes novidades para os sindicatos, mas mostra que há problemas que se agravam dentro da estrutura. ASPP fala da necessidade de reorganizar o modelo policial, numa estrutura onde a igualdade de género é ainda uma miragem: apenas 10% dos 20 900 polícias são mulheres.

Tirar a parte tóxica dos remédios para a malária e ébola para combater vírus

Miguel Santos coordena uma equipa com elementos da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa, Med.ULisboa da Faculdade de Farmácia da Universidade de Lisboa e do Instituto Ricardo Jorge que desenvolve o projeto ILs4Treatment que estuda a possibilidade de retirar a parte tóxica dos remédios para a malária e o ébola. É uma aposta na prevenção e combate às infeções pela covid-19.

Pedrógão, três anos depois. E se tudo voltar a falhar?

A Associação das Vítimas do Incêndio de Pedrógão está empenhada em replicar o projeto das aldeias resilientes. Que para já são apenas quatro, nos três concelhos. Dina Duarte, que agora preside à direção, diz que em três anos pouco mudou na região: não houve reflorestação, nem planos de limpeza. E apela a que sejam usados os milhares de euros que ainda estarão à mercê do Fundo Revita, dinheiro que foi doado pelos portugueses.

Igreja pede à UE que seja "mais humana no combate às consequências da pandemia"

D. Américo de Aguiar centrou as homilias da peregrinação a que presidiu, em Fátima, nas consequências da pandemia. Se ontem falou da fome, hoje pediu mais responsabilidade à União Europeia. "É preciso dar o passo seguinte", considera o bispo auxiliar de Lisboa, num dia que não é apenas especial pelo regresso dos peregrinos ao Santuário, mas também porque a imagem da virgem faz 100 anos, e pode ser observada de perto, até ao final do dia