Sting, um inglês em Oeiras

Um concerto do músico britânico Sting, no Estádio Municipal de Oeiras, abriu hoje a nona edição do festival CoolJazzFest.

Sem aparatos nem luzes berrantes, Sting pisou o palco montado no estádio do Parque dos Poetas cerca das 10.15. "All This Time" foi a primeira cançäo. "Muito obrigada. Boa noite. é maravilhoso estar aqui convosco", disse num portugues com ligeiro toque brasileiro, antes de soltar a artilharia pesada do seu repertório: magic e englishman (com muita colaboraçäo da assistëncia). Bastaram 10 minutos para aquecer os 10 mil que esgotaram a noite de sexta-feira do EDP Cool Jazz.

A primeira parte do concerto coube a James Walsh, também vocalista dos Starsailor.

Sting escolheu um número redondo de cançöes, 20, para se apresentar em Portugal. Não faltaram os êxitos de sempre.

O alinhamento:

1. "All this time"

2. "Magic"

3. "Englishman"

4. "Seven Days"

5. "Demolition Man"

6. "Hung My Head"

7. "Heavy Clouds"

8. "Driven to Tears"

9. "Fields of Gold"

10. "Message in a Bottle"

11. "Shape of my Heart"

12. "Love is Strong"

13. "Hounds of Winter"

14. "End of the Game"

15. "Never Coming Home"

16. "Desert Rose"

17. "Roxanne"

18. King of Pain

19. "Every breath

20. "Next to You"

Calendário do festival

A atuação de Michael Kiwanuka antecederá, a 04 de julho, o concerto da cubana Omara Portuondo, com a Orquestra Buena Vista Social Club.

A 08 de julho atuará o cantor norte-americano Al Jarreau, com 50 anos de carreira entre o jazz e o R&B, premiado sete vezes com os Grammy.

O festival prossegue ainda no universo do jazz, no dia 19, com a cantora Lizz Wright e o cantor e guitarrista Raúl Midon. Em palco terão prestações a solo e também em conjunto. A primeira parte é assegurada pela cantora jazz portuguesa Elisa Rodrigues.

O músico espanhol Pablo Alborán, que está há vários meses na tabela de vendas de discos em Portugal com o álbum "En Acustico", atuará no dia 21.

O festival fechará a 22 de julho com o guitarrista Pat Metheny e a Unity Band, com os músicos Chris Potter (saxofone), Antonio Sanchez (baixo) e Ben Williams (bateria).

Exclusivos