Filme dos Buraka Som Sistema corre pela Europa

Londres, Paris, Berlim, Amesterdão e Leuven vão acolher sessões de exibição do documentário 'Off the Beaten Track'.

A história de um dos grupos portugueses mais internacionais dos últimos anos, os Buraka Som Sistema, vai dar origem a um documentário, intitulado Off the Beaten Track, que vai percorrer várias cidades europeias.

A estreia vai dar-se a 10 de outubro no Village Underground, em Londres, seguindo depois para o Lido, em Berlim (dia 15 de outubro), La Maroquenerie, em Paris (dois dias depois), ADE, em Amesterdão (dia 18 do mesmo mês) e passando ainda pelo Depot, em Leuven, na Bélgica (dia 19). O filme também vai passar em Portugal, mas a data e o local ainda estão por revelar.

Além de contar a história dos Buraka Som Sistema, o documentário mostra as viagens que o grupo fez no ano passado por Angola, Venezuela, França, Índia, Inglaterra e, também, Portugal.

Artistas como M.I.A. (com quem gravaram o single Sound of Kuduro), Diplo, Santigold, A-Trak, Benga e Skream deram os seus depoimentos para este documentário, que conta com o apoio da Red Bull Music Academy e com o trabalho de ilustração de Kate Moross.

Mas nem tudo o que é revelado neste Off the Beaten Track, realizado por João Pedro Moreira, são conquistas, como a própria banda revela em comunicado: "Como todas as boas histórias precisam de conflito, juntam-se a estas conquistas as dificuldades de passar fronteiras com passaportes angolanos, ou a perde de todo o stock de discos de merchandise no incêndio da Enchufada (editora e agência da banda).

Os Buraka som Sistema, formados por Branko, Riot, Conductor e Kalaf, estrearam-se em 2006 com o EP From Buraka to the World. Seguiram-se os álbuns Black Diamond (2009) e Komba (2011).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG