DJs na festa de receção ao campista

Primeiro foi Pete Tha Zouk, depois veio Martin Solveig e, para o fim da noite, a partir das 2h00, estava prevista a atuação de Afrojack. Foi assim, com muito ritmo e ainda mais batidas, que o Festival do Sudoeste deu,ontem, as boas vindas aos campistas.

As portas do recinto abriram às 20.30, mais tarde que o previsto, e houve quem fizesse fila para ser o primeiro a entrar e assegurar um lugar em frente ao palco.

Não seria necessário, uma vez que até às 22.00, hora a que começou o set do DJ Pete Tha Zouk, o espaço esteve às moscas.

Depois, o público, muito jovem, entre os 16 e os 25 anos, começou a chegar e a aproximar-se do palco para ouvir Colplay, U2 ou Queen misturados e remisturados. Por três vezes ouviu-se também "Cos we are tomorrow", uma vez que o DJ aproveitou o festival para gravar o videoclip deste tema.

A pequena multidão que foi ao Sudoeste na primeira noite continuou depois em euforia com Martin Solveig - mal se dando pela mudança de turno entre o primeiro e este DJ. O mesmo ritmo, as mesmas batidas, um estilo ligeiramente diferente.

A noite fecha com Afrojack, mas esta quinta o festival viverá o primeiro dia a valer, com concertos a partir das 20.15 e com a esperada atuação de Ben Harper (00.30).

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG