Carlos do Carmo actua na Assembleia da República

O fadista Carlos do Carmo vai actuar no dia 7 na Assembleia da República, numa cerimónia de homenagem ao fado pela comissão parlamentar de Educação, Ciência e Cultura, anunciou hoje o presidente daquela comissão, José Ribeiro e Castro.

"O reconhecimento do fado pela UNESCO como Património Cultural Imaterial da Humanidade é uma grande distinção que premeia, em primeiro linha, os fadistas, os músicos, os poetas, os compositores, que fizeram e fazem, ao longo das gerações, a riqueza deste género específico da nossa cultura popular", escreveu José Ribeiro e Castro num comunicado.

A cerimónia, intitulada "Meia Hora de Ouro", que Ribeiro e Castro considera ser "um momento inédito de celebração nacional", decorrerá às 19:00 no salão nobre da Assembleia da República com uma actuação de Carlos do Carmo.

"Vamos agradecer este êxito formidável de Portugal numa homenagem à candidatura, ao município de Lisboa, à diplomacia, a todos os que a construíram e a fizeram ganhar", sublinhou o deputado do CDS-PP.

No dia 27 de Novembro o fado foi proclamado Património Cultural Imaterial da Humanidade pela UNESCO, em Bali, na Indonésia.

Os fadistas Mariza e Carlos do Carmo foram os embaixadores da candidatura.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG