Bruno e Manuela não deixam o pimba em paz

Primeiro o piano. Depois o contrabaixo. E a voz de Manuela Azevedo, a vocalista dos Clã: "Vais-te embora. Podes levar o que pertence a ti. Vais-te embora. Podes levar o que pertence a mim." Os mais distraídos talvez não se apercebam logo mas estão a ouvir 'Comunhão de Bens', a mais famosa canção de Ágata. É este efeito de surpresa que Bruno Nogueira gostava de provocar com o espetáculo Deixem o Pimba em Paz, que se estreia esta noite no Teatro São Luiz, em Lisboa.

"Quando ouvia estas músicas, tinha pena que quase todas as pessoas soubessem cantar o refrão mas depois ninguém conheça o resto da letra. E pensava que, se as canções tivessem uma roupagem, talvez fizéssemos passar a mensagem", explica Bruno Nogueira. O humorista assume-se como um fã de música em geral e um apreciador de música pimba - ainda que, como quase todos nós, seja um admirador envergonhado, como diz Manuela Azevedo: "Tenho alguma ligação afetiva à música mais popular e algum fascínio também por muitas destas canções, como toda a gente. As pessoas têm alguma vergonha em admiti-los mas são músicas que mexem sempre um bocadinho connosco."

Ouça Bruno Nogueira e Manuela Azevedo a cantar 'Taras e Manias', de Marco Paulo:

Depois dos concertos hoje e amanhã em Lisboa, o espetáculo 'Deixem o Pimba em Paz' vai passar pelo Porto, nos dias 2 e 3 de outubro, e continuar em digressão pelo país.

Leia mais pormenores no e-paper do DN.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG