Amigos João Pedro Pais e Jorge Palma juntos em palco

Junta-se dois amigos e o Palco Mundo terá mais uma parceria portuguesa a abrir o último dia do Rock in Rio (1 de junho). João Pedro Pais convidou Jorge Palma para partilhar um momento que dizem ser especial.

Pode não ser a primeira vez que tocam juntos, mas ser num palco por onde passaram alguns dos maiores nomes da música mundial é um facto que João Pedro Pais não deixou passar despercebido.

"O Palco Mundo é um palco onde todos querem tocar. É especial... Tem uma história. O primeiro a tocar lá foi o Paul McCartney há dez anos. As bandas mais conceituadas já tocaram praticamente todas ali... faltam talvez os Pearl Jam. É um palco que define a história da música", realçou ao DN João Pedro Pais. Convidado pelo diretor artístico Zé Ricardo a estar no festival, o músico pensou que só havia uma "parceria óbvia". "O Jorge Palma é um grande intérprete, um grande compositor. Só faço parcerias com pessoas com que me identifico, não por terem fama."

Mas há um factor ainda mais decisivo para voltarem a tocarem juntos: a amizade. "É um grande amigo que tenho aqui. Não é a primeira vez que tocamos juntos, mas talvez seja a mais visível", explicou ao DN Jorge Palma. Para um dos maiores nomes da música em Portugal é "estimulante e prestigiante" tocar no Palco Mundo. "Tenho tocado noutros festivais, mas o Rock in Rio é diferente. Tem um público especial", acrescentou.

A cumplicidade entre os dois músicos é impossível de esconder, o que ajuda em muito o trabalho de preparar os temas para o concerto. Serão temas conhecidos, mas se o Rock in Rio não trará novidades, Jorge Palma disse que seria de pensar comporem no futuro um tema juntos. João Pedro Pais diz que não poderá faltar o tema de Jorge Palma "Encosta-te a mim", enquanto Palma escolhe "Estás à espera de quê?", do mais recente trabalho de João Pedro Pais. "As pessoas no Rock in Rio querem ouvir as músicas que passaram nas rádios, querem cantá-las. É o que vamos fazer de uma forma íntegra, profissional, muito bem tocado e cantado", garante João Pedro Pais.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG