Talentos da fotografia têm até 30 de abril para mostrar o que valem

O Novo Banco e o Museu de Serralves abrem as candidaturas ao prémio Revelação, destinado a premiar jovens talentos da fotografia. O prémio é uma bolsa de produção de 15 mil euros.

As candidaturas estão abertas até 30 de abril e para concorrer é preciso ter 30 anos até essa data, ser português ou viver em Portugal, de acordo com o regulamento.

Na primeira fase, um júri internacional escolhe quatro projetos entre todas as candidaturas. Em maio são divulgados os seus autores e será publicado um catálogo.

Na segunda fase do concurso, o mesmo júri seleciona um deste projetos. O nome do vencedor é conhecido em julho e recebe um bolsa de produção de 15 mil euros e mostrará o seu trabalho numa exposição individual no Museu de Serralves, no Porto.

As regras do concurso mudaram há um ano, atribuindo um prémio de valor mais alto a um só vencedor.

Bruno Zhu, nascido no Porto em 1991, foi o artista premiado há um ano na 11.ª edição do prémio, antes conhecido como BES Revelação. Licenciado em Design de Moda pela Central Saint Martins, em Londres, está sediado em Amesterdão, onde fazia o mestrado em Artes Plásticas no Sandberg Institute.

Exclusivos