Programação de sábado "espera" pelo jogo Portugal-Uruguai

A programação do festival Rock in Rio Lisboa será suspensa no sábado durante o jogo dos oitavos de final do Mundial de futebol que opõe Portugal ao Uruguai, sendo a partida exibida em todo o recinto.

De acordo com fonte da organização, em declarações à Lusa, a programação será suspensa "em todos os palcos", estando os novos horários, que serão divulgados ainda hoje, a ser ultimados. Além disso, o jogo será transmitido "em todos os ecrãs da 'cidade do rock'".

O jogo entre Portugal e o Uruguai, na Rússia, está marcado para as 19:00 de sábado, e pode durar até duas horas e meia, já que é um jogo de 'mata-mata'. Ou seja, se ao fim de 90 minutos o jogo estiver empatado, há um prolongamento de trinta de minutos. Se depois desse período o jogo continuar empatado, é necessário desempatar com recurso a penalties.

Para a hora de início do jogo estão marcadas as atuações de Carlão (no Music Valley) e de Paulo Flores (na Rock Street), um pouco mais tarde, pelas 19:15, atua D4rkframe (no Digital Stage) e, pelas 19:45, Ivete Sangalo (no Palco Mundo).

A 8.ª edição do festival Rock in Rio, que decorre no Parque da Bela Vista, começou no sábado, com os Muse como cabeça de cartaz. O segundo dia do festival aconteceu no domingo, com Bruno Mars, e o terceiro está marcado para sexta-feira, com os The Killers.

O Rock in Rio Lisboa termina no sábado, com Katy Perry como cabeça de cartaz.

Ler mais

Premium

robótica

Quando os robôs ajudam a aprender Estudo do Meio e Matemática

Os robôs chegaram aos jardins-de-infância e salas de aula de todo o país. Seja no âmbito do projeto de robótica do Ministério da Educação, da iniciativa das autarquias ou de outros programas, já há dezenas de milhares de crianças a aprender os fundamentos básicos da programação e do pensamento computacional em Portugal.

Premium

Anselmo Borges

"Likai-vos" uns aos outros

Quem nunca assistiu, num restaurante, por exemplo, a esta cena de estátuas: o pai a dedar num smartphone, a mãe a dedar noutro smartphone e cada um dos filhos pequenos a fazer o mesmo, eventualmente até a mandar mensagens uns aos outros? É nisto que estamos... Por isso, fiquei muito contente quando, há dias, num jantar em casa de um casal amigo, reparei que, à mesa, está proibido o dedar, porque aí não há telemóvel; às refeições, os miúdos adolescentes falam e contam histórias e estórias, e desabafam, e os pais riem-se com eles, e vão dizendo o que pode ser sumamente útil para a vida de todos... Se há visitas de outros miúdos, são avisados... de que ali os telemóveis ficam à distância...