Paul McCartney musicou emojis para o Dia dos Namorados

O ex-Beatle começou por estranhar a proposta, mas acabou por dar música a um lutador de sumo cupido ou a uma tartaruga que dança. Ele explica tudo

Paul McCartney foi convidado pelo Skype, plataforma de chamadas de vídeo gratuitas, para compor a música de dez emojis criados para o Dia de São Valentim, que se comemora no próximo domingo. Confessando que primeiro lhe pareceu uma "proposta estranha", o ex-Beatle conta que depois perguntou a si mesmo: "Por que não?"

"De repente percebemos que temos de comprimir uma interpretação musical de uma emoção em menos de cinco segundos", continua McCartney numa entrevista publicada no seu site oficial.

Da personagem sedutora à dengosa, do símbolo do amor ou da luxúria, tudo foi pensado para o dia dos namorados. Um lutador de sumo que é, afinal, um cupido, uma tartaruga de ar sedutor que dança, ou dois ursos que se abraçam, todos estes emojis têm agora a música de Sir Paul McCartney por trás.

A voz que conhecemos de Hey Jude, Ob La Di Ob La Da ou She Loves You usou o sintetizador Moog, um cravo, um xilofone, uma guitarra elétrica e a sua própria voz (embora não existam letras nas pequenas músicas). O processo de gravação, inicialmente previsto para um dia, acabou por demorar uma semana.

O Skype pode oferecer, num só dia, mais de três milhões de minutos de conversação no total, dava conta o jornal espanhol ABC. Os emojis da plataforma surgiram em setembro último.

Ler mais

Exclusivos