O carro do rival do joker

O fã do Joker que fica pronto em meia-hora

Fábio Mota aproximou-se do Batmobile, uma viatura bem característica dos gadgets que o Batman tem à sua disposição. Este é o mais recente, utilizado no filme que estreou recentemente, a Liga da Justiça, sobre o qual diz: "Este é mais realista quando comparado com os anteriores, mis parece um tanque de guerra".

Nada que obste a que o Joker queira tirar um fotografia ao seu lado. Porque esta roupa? "O Joker sempre foi um vilão que me causou interesse e todos gostam dele por ter uma origem desconhecida e lutar por causas com que as pessoas se identificam", explica.

Considera que é uma personagem fácil de compor e já é o segundo ano que vem com esta fantasia: "Em meia hora fica pronta." De vez em quando alterna com a farda do Flash. O Comic Con tem neste Joker um visitante constante: "Venho desde a primeira edição. Gostei, e a partir daí voltei sempre."

Ler mais

Exclusivos

Premium

Pedro Lains

Compreender Marques Mendes

Em Portugal, há recorrentemente espaço televisivo para políticos no activo comentarem notícias generalistas, uma especificidade no mundo desenvolvido. Trata-se de uma original mistura entre comentário político e espaço noticioso. Foquemos o caso mais saliente dos dias que correm para tentar perceber a razão dessa peculiaridade nacional. A conclusão é que ela não decorre da ignorância das audiências, da falta de especialistas sobre os temas comentados, ou da inexistência de jornalistas capazes. A principal razão é que este tipo de comentário serve acima de tudo uma forma de fazer política.