Lady Gaga hospitalizada. Concerto no Rock in Rio cancelado

A cantora revelou há dias que sofre de fibromialgia. "Estou cheia de dores", disse agora

Lady Gaga cancelou o espetáculo que tinha agendado para esta noite no Rock in Rio Brasil devido a dores intensas provocadas pela fibromialgia que a levaram a ser hospitalizada.

A cantora, que anunciou há dias uma pausa na carreira devido à doença, publicou fotografias no Instagram em que justifica a ausência do festival.

"Estou devastada por não estar bem o suficiente para ir ao Rock in Rio. Faria qualquer coisa por vocês, mas agora tenho de tomar conta do meu corpo", escreve junto a uma imagem em que se vê que está a receber medicação via intravenosa. Promete ainda regressar ao Brasil assim que possível.

Numa outra publicação na mesma rede social, Lady Gaga explica que foi levada para o hospital e que não se trata de uma simples dor devido ao cansaço ou desgaste de andar na estrada. "Estou cheia de dores", diz na legenda da imagem em que mostra a tatuagem feita numa favela do Rio. "Têm um lugar especial no meu coração", garante.

Lady Gaga admitiu recentemente ter fibromialgia, uma doença crónica que provoca dores profundas.

O horário da cantora no alinhamento de espetáculos do Rock in Rio será preenchido pelos Maroon 5, que também atuam amanhã.

Ler mais

Premium

João Gobern

País com poetas

Há muito para elogiar nos que, sem perspectivas de lucro imediato, de retorno garantido, de negócio fácil, sabem aproveitar - e reciclar - o património acumulado noutras eras. Ora, numa fase em que a Poesia se reergue, muitas vezes por vias "alternativas", de esquecimentos e atropelos, merece inteiro destaque a iniciativa da editora Valentim de Carvalho, que decidiu regressar, em edições "revistas e aumentadas", ao seu magnífico espólio de gravações de poetas. Originalmente, na colecção publicada entre 1959 e 1975, o desafio era grande - cabia aos autores a responsabilidade de dizerem as suas próprias criações, acabando por personalizá-las ainda mais, injectando sangue próprio às palavras que já antes tinham posto ao nosso dispor.