Jodie Foster de muletas "culpa" Meryl Streep

Apresentou o Óscar de Melhor Atriz ao lado de Jennifer Lawrence e protagonizou um dos momentos mais divertidos na 90.ª edição da entrega dos Óscares

As gargalhadas fizeram-se ouvir no Dolby Theatre quando Jodie Foster estava no palco da 90.ª edição dos Óscares. Ao lado de Jennifer Lawrence para apresentar o prémio de Melhor Atriz, a protagonista de Silêncio dos Inocentes surgiu de muletas e "culpou" Meryl Streep.

Ao ser questionada sobre o que lhe aconteceu para aparecer lesionada na cerimónia dos Óscares, Foster decidiu brincar com Streep, uma das nomeadas ao prémio de Melhor Atriz. "Fez-me um Tonya", respondeu, referindo-se ao filme que conta a história de uma patinadora acusada de destruir o joelho da sua principal rival.

A brincadeira continuou. "Ela parece ser sempre muito amável nos almoços...", respondeu Jennifer Lawrence, surpreendida com a revelação. "Olha, está a atuar", argumentou Jodie Foster dirigindo-se a Meryl Streep.

Na realidade, a atriz lesionou-se quando praticava esqui.

Com Jennifer Lawrence, entregou o prémio de Melhor Atriz a Frances McDormand. Inicialmente estava previsto que a apresentação deste Óscar fosse feita pelo ator Casey Affleck, que, após alegações de assédio sexual, decidiu não o fazer.

Ler mais

Premium

João Almeida Moreira

Bolsonaro, curiosidade ou fúria

Perante um fenómeno que nos pareça ultrajante podemos ter uma de duas atitudes: ficar furiosos ou curiosos. Como a fúria é o menos produtivo dos sentimentos, optemos por experimentar curiosidade pela ascensão de Jair Bolsonaro, o candidato de extrema-direita do PSL em quem um em cada três eleitores brasileiros vota, segundo sondagem de segunda-feira do banco BTG Pactual e do Instituto FSB, apesar do seu passado (e presente) machista, xenófobo e homofóbico.