Criança de 10 anos tocou com Paul McCartney num concerto

Músico perguntou a Leila se queria um autógrafo e a resposta supreendeu-o

É o sonho de qualquer fã: ter a possibilidade de conhecer o ídolo, sobretudo durante um concerto. Leila, de dez anos, e a mãe subiram ao palco durante o espetáculo de Paul McCartney em Buenos Aires, o que por si só já seria um momento memorável. Porém, foi ainda melhor e inesperado.

"Que queres que faça? Queres que assine o teu peluche?", perguntou o eterno Beatle a Leila. "Quero tocar baixo contigo", respondeu a criança e Paul McCartney não escondeu a sua surpresa pela resposta: "Por esta não esperava". Havia um problema: Leila não tinha um baixo, mas rapidamente apareceu um.

Os dois tocaram e cantaram Get Back, num daqueles momentos que Leila recordará para toda a vida.

Ler mais

Exclusivos

Premium

nuno camarneiro

Uma aldeia no centro da cidade

Os vizinhos conhecem-se pelos nomes, cultivam hortas e jardins comunitários, trocam móveis a que já não dão uso, organizam almoços, jogos de futebol e até magustos, como aconteceu no sábado passado. Não estou a descrever uma aldeia do Minho ou da Beira Baixa, tampouco uma comunidade hippie perdida na serra da Lousã, tudo isto acontece em plena Lisboa, numa rua com escadinhas que pertence ao Bairro dos Anjos.

Premium

Rui Pedro Tendinha

O João. Outra vez, o João Salaviza...

Foi neste fim de semana. Um fim de semana em que o cinema português foi notícia e ninguém reparou. Entre ex-presidentes de futebol a serem presos e desmentidos de fake news, parece que a vitória de Chuva É Cantoria na Aldeia dos Mortos, de Renée Nader Messora e João Salaviza, no Festival do Rio, e o anúncio da nomeação de Diamantino, de Daniel Schmidt e Gabriel Abrantes, nos European Film Awards, não deixou o espaço mediático curioso.