"La La Land" consegue 14 nomeações e iguala recorde de "Titanic" e "Eva"

As nomeações para os Óscares da Academia foram anunciadas esta terça-feira. Cerimónia marcada para 26 de fevereiro.

As nomeações dos Óscares foram anunciadas e La La Land já fez história: conseguiu 14 e igualou Titanic e All About Eve (Eva, em português) como as películas com mais nomeações na história dos prémios da Academia.

O filme, que se estreia esta quinta-feira nos cinemas portugueses, está nomeado na maioria das categorias dos prémios, incluindo melhor filme, realização, argumento original e banda sonora, tem ainda uma dupla nomeação para melhor canção e para melhor ator e atriz principais, com o par Ryan Gosling e Emma Stone.

Na categoria de "Melhor realização" estão nomeados Damien Chazelle, Tom Ford ("Animais Noturnos"), Barry Jenkins ("Moonlight") e Kenneth Lonergan ("Manchester by the sea") - todos indicados pela primeira vez - e ainda Mel Gibson ("O herói de Hacksaw Ridge").

Para melhor filme foram nomeados "Primeiro Encontro", "Vedações", "O herói de Hacksaw Ridge", "Hell or High Water - Custe o que custar!", "La La Land: Melodia de amor", "Lion - A longa estrada para casa", "Manchester by the sea" e "Moonlight".

Para melhor filme estrangeiro, em língua não inglesa, estão nomeados "Toni Erdman" (Alemanha), "Land of mine" (Dinamarca), "A man called Ove" (Suécia), "Tanna" (Austrália) e "O vendedor" (Irão).

A 89.ª cerimónia dos Óscares está marcada para 26 de fevereiro, em Los Angeles, com apresentação de Jimmy Kimmel.

Os Óscares são atribuídos pela Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos Estados Unidos.

Melhor Filme

Arrival/ O Primeiro Encontro

Fences/ Vedações

O Herói de Hacksaw Ridge

Hell or High Water - Custe o que Custar

Hidden Figures/ Elementos Secretos

La La Land: Melodia de Amor

Lion - A Longa Estrada para Casa

Manchester by the Sea

Moonlight

Atriz principal

Emma Stone, La La Land: Melodia de Amor

Natalie Portman, Jackie

Meryl Streep, Florence Foster Jenkins

Isabelle Huppert, Elle

Ruth Negga, Loving

Atriz secundária

Viola Davis, Fences/ Vedações

Naomie Harris, Moonlight

Nicole Kidman, Lion - A Longa Estrada para Casa

Octavia Spencer, Hidden Figures/ Elementos Secretos

Michelle Williams, Manchester By The Sea


Ator principal

Casey Affleck, Manchester by the Sea

Denzel Washington, Fences/ Vedações

Ryan Gosling, La La Land: Melodia de Amor

Viggo Mortensen, Capitão Fantástico

Andrew Garfield, O Herói de Hacksaw Ridge


Ator secundário

Jeff Bridges, Hell or High Water - Custe o que Custar

Mahershala Ali, Moonlight

Dev Patel, Lion - A Longa Estrada para Casa

Michael Shannon, Animais Noturnos

Lucas Hedges, Manchester By The Sea

Melhor Realizador

Denis Villeneuve, Arrival/ O Primeiro Encontro

Mel Gibson, O Herói de Hacksaw Ridge

Damien Chazelle, La La Land: Melodia de Amor

Kenneth Lonergan, Manchester by the Sea

Barry Jenkins, Moonlight

Argumento adaptado

Moonlight

Lion - A Longa Estrada para Casa

O Herói de Hacksaw Ridge

Arrival/ O Primeiro Encontro

Fences/ Vedações

Hidden Figures/ Elementos Secretos

Argumento Original

Hell or High Water - Custe o que Custar

La La Land: Melodia de Amor

The Lobster

Manchester by the Sea

20th Century Women/Mulheres do Século XX

Montagem

Arrival/ O Primeiro Encontro

O Herói de Hacksaw Ridge

Hell or High Water - Custe o que Custar

La La Land: Melodia de Amor

Moonlight

Melhor Filme em Língua Não Inglesa

Land of Mine (Dinamarca)

A Man Called Ove (Suécia)

O Vendedor (Irão)

Tanna (Austrália)

Toni Erdman (Alemanha)

Documentário

Fire At Sea

I am Not Your Negro

Life Animated

OJ: Made in America

13th

Melhor curta-metragem

Ennemis Intérieus

La Femme et le TGV

Silent Nights

Sing

Timecode

Documentário Curta-metragem

Extremis

4.1 Miles

Joe's Violin

Watani: My Homeland

The White Helmets

Melhor animação

Kubo and the Two Strings

Vaiana

My Life as a Zucchini

The Red Turtle

Zootropolis

Melhor curta de animação

Blind Vaysha

Borrowed Time

Pear Cides and Cigarettes

Pearl

Piper

Fotografia

Arrival/ O Primeiro Encontro

La La Land: Melodia de Amor

Lion - A Longa Estrada para Casa

Moonlight

Silence

Montagem de som

Arrival/ O Primeiro Encontro

O Herói de Hacksaw Ridge

La La Land: Melodia de Amor

Rogue One

13 Hours

Sonoplastia

Arrival/ O Primeiro Encontro

Deepwater Horizon

O Herói de Hacksaw Ridge

La La Land: Melodia de Amor

Sully. Milagre no Rio Hudson

Caracterização

A Man Called Ove

Star Trek Beyond

Suicide Squad

Melhor Banda Sonora

Jackie (Mica Levi)

La La Land: Melodia de Amor (Justin Hurwitz)

Lion - A Longa Estrada para Casa (Dustin O'Hallorean e Hauschka)

Moonlight (Nicholas Britell)

Passengers (Thomas Newman)

Melhor Canção Original

"Audition (The Fools who Dream)" (La La Land: Melodia de Amor)

"Can't Stop the feeling" (Trolls)

"City of Stars" (La La Land: Melodia de Amor)

"The Empty Chair" (The James Foley Story)

"How Far I'll Go" (Moana)

Melhores Efeitos Especiais

Deepwater Horizon

Doctor Strange

The Jungle book

Kubo and the Two Strings

Rogue One: A Star Wars Story

Melhor Guarda-Roupa

Allied

Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los

Florence Foster Jenkins

Jackie

La La Land: Melodia de Amor

Melhor Direção Artística

Arrival/ O Primeiro Encontro

Monstros Fantásticos e Onde Encontrá-los

Hail, Caesar!

La La Land: Melodia de Amor

Passengers

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ferreira Fernandes

Conhecem a última anedota do Brexit?

Quando uma anedota é uma anedota merece ser tratada como piada. E se a tal anedota ocupa um importante cargo histórico não pode ser levada a sério lá porque anda com sapatos de tigresa. Então, se a sua morada oficial é em Downing Street, o nome da rua - "Downing", que traduzido diz "cai, desaba, vai para o galheiro..." - vale como atual e certeira análise política. Tal endereço, tal país. Também o número da porta de Downing Street, o "10", serve hoje para fazer interpretações políticas. Se o algarismo 1 é pela função, mora lá a primeira-ministra, o algarismo 0 qualifica a atual inquilina. Para ser mais exato: apesar de ela ser conservadora, trata-se de um zero à esquerda. Resumindo, o que dizer de uma poderosa governante que se expõe ao desprezo quotidiano do carteiro?

Premium

Adolfo Mesquita Nunes

A escolha de uma liberdade

A projeção pública da nossa atividade, sobretudo quando, como é o caso da política profissional, essa atividade é, ela própria, pública e publicamente financiada, envolve uma certa perda de liberdade com que nunca me senti confortável. Não se trata apenas da exposição, que o tempo mediático, por ser mais veloz do que o tempo real das horas e dos dias, alargou para além da justíssima sindicância. E a velocidade desse tempo, que chega a substituir o tempo real porque respondemos e reagimos ao que se diz que é, e não ao que é, não vai abrandar, como também se não vai atenuar a inversão do ónus da prova em que a política vive.

Premium

Marisa Matias

Penalizações antecipadas

Um estudo da OCDE publicado nesta semana mostra que Portugal é dos países que mais penalizam quem se reforma antecipadamente e menos beneficia quem trabalha mais anos do que deve. A atual idade de reforma é de 66 anos e cinco meses. Se se sair do mercado de trabalho antes do previsto, o corte é de 36% se for um ano e de 45%, se forem três anos. Ou seja, em três anos é possível perder quase metade do rendimento para o qual se trabalhou uma vida. As penalizações são injustas para quem passou, literalmente, a vida toda a trabalhar e não tem como vislumbrar a possibilidade de deixar de fazê-lo.

Premium

Maria Antónia de Almeida Santos

O planeta dos sustentáveis 

Ao ambiente e ao planeta já não basta a simples manifestação da amizade e da esperança. Devemos-lhes a prática do respeito. Esta é, basicamente, a mensagem da jovem e global ativista Greta Thunberg. É uma mensagem positiva e inesperada. Positiva, porque em matéria de respeito pelo ambiente, demonstra que já chegámos à consciencialização urgente de que a ação já está atrasada em relação à emergência de catástrofes como a de Moçambique. Inesperada (ao ponto do embaraço para todos), pela constatação de que foi a nossa juventude, de facto e pela onda da sua ação, a globalizar a oportunidade para operacionalizar a esperança.