Christopher Plummer mal acabou de filmar e já é nomeado

Os Golden Globes já têm nomeados. A Forma da Água, The Post e Três Cartazes à Beira da Estrada são os mais nomeados. As surpresas são Christopher Plummer e a ausência de Linha Fantasma na lista dos melhores filmes.

A Forma da Água, fantasia de Guilhermo Del Toro, é o grande favorito para os Globos de Ouro de 2018. Este vencedor do Leão de Ouro de Veneza conseguiu arrecadar sete nomeações, incluindo melhor realizador e melhor filme. Del Toro torna-se assim o cineasta que parte com maior vantagem nesta corrida aos prémios de cinema. Logo atrás está Steven Spielberg e o seu The Post, sobre o escândalo do Watergate. The Post tem seis nomeações e outros prémios já arrecadados como melhor filme na National Board of Review, bem como Três Cartazes à Beira da Estrada, de Martin McDonagh, que, com as suas seis nomeações, continua na luta para ser o filme mais aclamado do ano.

As nomeações da imprensa estrangeira em Hollywood terão refreado o favoritismo de Lady Bird, de Greta Gerwig, que apesar de muito nomeado não conseguiu a chamada dobradinha: realização e melhor filme. A estreante Gerwig ficou de fora da categoria de realização, surpreendendo muita gente. Mas a maior surpresa foi Todo o Dinheiro do Mundo, de Sir Ridley Scott, que supostamente não está ainda pronto. Seja como for, conseguiu nomeações importantes, como melhor realizador, melhor atriz (Michelle Williams) e melhor ator secundário, Christopher Plummer, que acabou muito recentemente a sua semana e meia de rodagem para substituir Kevin Spacey. A Sony sempre disse que queria apostar nos Óscares e esta bonança nestes prémios pode querer dizer muita coisa. A presença de Plummer nas nomeações não deixa de ser espantosa e cheira a lobby do estúdio.

Se é verdade que excetuando Todo o Dinheiro do Mundo não tivemos aqui grandes surpresas, nas omissões podemos encontrar algumas perplexidades. Não deixa de ser relevante o esquecimento de Luca Guadagnino na categoria de melhor realizador em Chama-me pelo Teu Nome, drama que também não encontrou nomeação para o brilhante Michael Stuhlbarg, numa das mais sentidas interpretações do ano. A Fox igualmente ignorou uma campanha suficientemente forte para levar Woody Harrelson em Três Cartazes à Beira da Estrada à nomeação de melhor secundário, preferindo apostar no mais vistoso Sam Rockwell no mesmo filme.

Ainda nas omissões, de registar as ausências de Andrew Garfield em Vive; Paul Thomas Anderson em Linha Fantasma e Denis Villeneuve em Blade Runner 2049.

Entre os atores nomeados, Gary Oldman, James Franco e Willem Dafoe podem ser os mais fortes candidatos, enquanto nas atrizes Saiorse Ronan, Laurie Metcalf, Mary J. Blige, Sally Hawkins e Frances McDormand partem como favoritas para a cerimónia de 7 de janeiro.

Relacionadas

Últimas notícias

Brand Story

Tui

Mais popular

  • no dn.pt
  • Artes
Pub
Pub