Bradley Cooper em pose de "chef"

Um cozinheiro assombrado por problemas de drogas é a figura central de À Procura de uma Estrela

O filme chama-se entre nós À Procura de uma Estrela, mas nada tem a ver com celebridades de Hollywood (nem com essa degradação jornalística das estrelas que são os "famosos" da telenovela). No seu centro está Adam Jones, cozinheiro ultra-dotado, "chef" de prestígio, que tenta reconstruir a sua vida depois de um dramático período de toxicodependências várias. E, de facto, o seu objectivo é obter mais uma estrela do guia Michelin para o seu restaurante...

Tais atribulações bastarão para compreender que este é um filme que escapa aos modelos correntes, não tendo super-heróis mais ou menos ruidosos, nem se parecendo com a agitação visual de um jogo de vídeo. De tal modo que até os seus produtores, os perspicazes irmãos Weinstein (da Weinstein Company), não têm sabido muito bem o que fazer com tão insólito objecto, primeiro chamando-lhe Adam Jones e, depois, emendando para Burnt (num trocadilho com a palavra "queimado" que, no mínimo, cheira a esturro).

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Ler mais

Exclusivos