Balada (sem piada) para as encalhadas

Como ser Solteira, de Christian Ditter

Hollywood foi buscar um cineasta alemão tarefeiro que tenta ser um especialista em comédias românticas. Chama-se Christian Ditter e já tinha dado um ar da sua "desgraça" em Deixa o Amor Entrar (2014) e agora confirma a inaptidão. How to Be Single é um filme de encomenda, sem alma. O seu estúdio deve ter pensado: vamos lá ter um produtor demográfico feminino para estar pronto para o Dia dos Namorados.

Dakota Johnson (mais uma vez a representar com ar de frete, felizmente vamos vê-la em breve num registo bem melhor em A Bigger Splash, de Luca Guadagnino) é uma jovem estudante de Direito que chega a Nova Iorque para começar uma nova etapa da sua vida. De repente, vê-se solteira e a entrar no jogo dos engates da grande cidade. O filme não é mais do que um rodízio de várias situações dos estados românticos das solteiras românticas e sexualmente ativas.

Não é nulo, longe disso, porque tem um trabalho de câmara invulgar, capaz de uma noção de ritmo interessante, mas falha sempre por não acertar no tom do humor. Ao lado deste, os filmes (nem vamos à série...) Sexo e a Cidade são uma obra-prima...

Classificação: **

Exclusivos