Coleção de fotografia de Elton John vai estar na Tate Modern

Galeria de Londres inaugura a exposição "The Radical Eye" em novembro.

DN
Fotografia de Man Ray, da coleção de Elton John© Direitos reservados

Man Ray, Alexander Rodchenko, Andre Kertesz, Walker Evans e Dorothea Lange são alguns dos fotógrafos que vão estar incluídos na exposição The Radical Eye, que a Tate Modern, em Londres, inaugura a 10 de novembro. A exposição com mais de 150 imagens de 60 artistas será criada a partir da vasta coleção de fotografia do músico Elton John.

Segundo o comunicado da galeria Tate Modern, Elton John é o proprietário de "uma das melhores coleções particulares de fotografia". Das cerca de 7 mil imagens, os curadores da exposição escolheram, entre outras coisas, mostrar retratos de algumas figuras centrais da cultura, como Georgia O'Keefe (fotografada por Alfred Stieglitz), Edward Weston (por Tina Modotti), Jean Cocteau (por Berenice Abbott) ou Igor Stravinsky (por Edward Weston). O núcleo maior será de Man Ray - são dele, por exemplo, os retratos de Andre Breton, Max Ernst, enri Matisse, Pablo Picasso e Dora Maar.

"Cada um dessas fotografias serve como inspiração para a minha vida", comentou o músico, citado pela Associated Press. Elton John começou a sua coleção em 1991 e tem apenas impressões originais, feitas pelos artistas.

Segundo a Tate Modern, a exposição The Radical Eye, que poderá ser visitada até 7 de maios de 2017, será apenas o princípio de uma longa relação entre a galeria londrina e Elton John.