Afinal a seleção de Cannes tem um português...

É o regresso de Paulo Branco ao maior festival do mundo.

O produtor português foi selecionado para Cannes na secção oficial Special Screenings com a sua produção francesa La Fôret de Quinconces, a obra de estreia de Grégoire Leprince-Ringuet, ator que se notabilizou em As Canções de Amor, de Christophe Honoré, em 2007. Ontem foram divulgados os últimos títulos que encerram assim a programação desta edição que arranca a 11 de maio com Café Society, de Woody Allen.

Trata-se do regresso à escadaria vermelha para Branco, depois de em 2012 ter estado presente com Cosmopolis, de David Cronenberg. Em conversa com o DN, não se mostrou surpreendido: "o filme tem muita qualidade e é a revelação de um cineasta. Está tudo muito entusiasmado com esta obra, o único filme a concorrer à Câmara de Ouro (troféu para o primeiro filme) de toda a seleção oficial, se excetuarmos a secção Un Certain Regard. Devo dizer que foi filmado com muito poucos meios". Em Portugal só deverá chegar por alturas do outono.

La Fôret de Quinconces é a história de uma retaliação romântica. A loucura de Paul após perder a sua amada Ondine e não suster o desejo de Camille, que o encanta. Mas o encanto não dura para sempre.

Recorde-se que Leprince-Ringuet tinha recentemente dado nas vistas como ator em A Uma Hora Incerta, de Carlos Saboga.

Desta forma, confirma-se a ausência de O Ornitólogo, de João Pedro Rodrigues, que falhou também a seleção na Quinzena dos Realizadores, bem como do novo filme de Marco Martins, São Jorge, protagonizado por Nuno Lopes. Na Quinzena vale a pena salientar o prémio Carrosse D'Or, este ano atribuído ao finlandês Aki Kaurismaki. Um prémio que visa homenagear a obra de um cineasta. O filme de abertura será Sonha com os Anjos, o novo de Marco Bellochio e o encerramento está a cargo de Paul Schrader com Dog Eat Dog, com Nicolas Cage. Uma seleção onde talvez faltem nomes de risco e em que Pablo Larraín apresenta o aguardado Neruda, um "biopic" sobre Pablo Neruda, com Gael Garcia Bernal.

Exclusivos