Woody Allen será homenageado nos Globos de Ouro 2014

O realizador norte-americano Woody Allen vai ser distinguido em janeiro com um prémio de carreira, o Cecil B. DeMille, na cerimónia dos prémios Globos de Ouro, atribuídos pela Associação de imprensa estrangeira em Hollywood.

"Não há ninguém mais digno para este prémio do que Woody Allen. Os seus contributos para o cinema têm sido fenomenais e ele é verdadeiramente um tesouro internacional", afirmou o presidente da associação, Theo Kingma.

Woody Allen, 77 anos, de quem se estreia esta semana em Portugal o filme "Blue Jasmine", receberá o prémio a 12 de janeiro em Los Angeles, Califórnia.

Autor de mais de 40 filmes, Woody Allen recebeu em 2011 um Globo de Ouro de melhor argumento original com o filme "Meia-Noite em Paris".

O realizador, que já filmou em Barcelona, Londres, Paris e Roma - e que regressou aos Estados Unidos para rodar "Blue Jasmine" - tem sido cobiçado para rodar um próximo filme fora dos Estados Unidos, sobretudo por causa do impacto turístico em cada cidade escolhida.

No final de agosto, o presidente da câmara de Lisboa, António Costa, afirmou numa entrevista ao semanário Sol que gostaria de ver Woody Allen a filmar na capital portuguesa e que têm sido feitos contactos com a produção do realizador.

Em setembro no ano passado, Woody Allen disse, numa entrevista ao canal TVI24, que, para filmar em Lisboa, bastaria que o convidassem e que lhe arranjassem financiamento.

No Brasil, o presidente da câmara do Rio de Janeiro afirmou em agosto que estava disposto a custear na totalidade a produção de um filme de Woody Allen na cidade que vai acolher em 2014 o mundial de futebol e em 2016 os Jogos Olímpicos.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG