Spielberg vai concluír o 'Napoleão' de Kubrick

Projeto deixado por Kubrick na gaveta em início dos anos 70, um 'biopic' sobre a figura de Napoleão I vai ser agora concluído por Steven Spielberg

Projeto deixado na gaveta por Stanley Kubrick em inícios da década de 70, um biopic sobre Napoleão no qual treabalhou longamente, vai finalmente ver a luz do dia, sob a orientação de Steven Spielberg. Foi o próprio Spielberg quem o revelou numa entrevista ao Canal+, alertando desde logo para o facto de não estar a pensar em levar a conclusão do trabalho de preparação desenvolvido por Kubrick ao grande ecrã, levantando por isso a hipótese de o poder fazer no formato de uma minissérie televisiva.

"Tenho estado a desenvolver um argumento de Stanley Kubrick para uma minissérie, não para o cinema", disse Spielberg, lembrando que o texto sobre o qual está a trabalhar foi originalmente redigido em 1961. Na mesma entrevista confirmou ainda que conta com a colaboração da família do realizador. Esta será assim a segunda vez que Spielberg concluirá um trabalho lançado por Kubrick, tal como aconteceu em 2001 com o filme A.I. Inteligência Artificial, baseado no conto Super-Toys Last All Summer Long, de Brian Aldiss.

Kubrick chegou mesmo a falar com Spielberg sobre A.I. e, depois da sua morte, o autor de E.T. - O Extraterrestre e Encontros Imediatos de Terceiro Grau partiu dos esboços e levou o filme a bom porto. Napoleão tem, na verdade, uma génese antiga.

Depois de terminados os trabalhos em 2001: Odisseia no Espaço, que chegou aos ecrãs em 1968, Stanley Kubrick desviou as suas atenções para um outro projeto de grande envergadura no qual trabalhava há já algum tempo: o biopic sobre Napoleão I. Colocando as mãos à obra, iniciou um processo intenso de pesquisa, tendo durante perto de dois anos recolhido informação biográfica sobre o antigo imperador de França e procurado possíveis décors para rodar o filme, chegando mesmo a identificar locais em Itália (muitos deles em Veneza) e na antiga Jugoslávia. Com a recolha de dados em desenvolvimento, o estúdio cancelou o projeto e Napoleão foi parar à gaveta, partindo Kubrick para outro trabalho, daí nascendo pouco depois A Laranja Mecânica.

Exclusivos

Premium

Contramão na autoestrada

Concessionárias querem mais formação para condutores idosos

Os episódios de condução em sentido contrário nas autoestradas são uma realidade recorrente e preocupante. A maioria envolve pessoas idosas. O tema é sensível. Soluções mais radicais, como uma idade para deixar de conduzir, avaliação médica em centros específicos, não são consensuais. As concessionárias das autoestradas defendem "mais formação" para os condutores acima dos 70 anos.