Cameron voa do fundo do oceano para estreia em Londres

Pouco mais de 24 horas depois de emergir do ponto mais profundo dos oceanos, o realizador James Cameron voou para Londres e esta tarde esteve já na passadeira vermelha para a antestestreia da versão 3D do seu filme "Titanic".

Ao lado da mulher, Suzy Amis, Cameron elogiou o trabalho feito na conversão para 3D da película, originariamente lançada em 1997. Mas não escapou às perguntas sobre o seu mergulho a mais de 11 quilómetros de profundidade, à Fossa das Marianas.

"Senti-me completamente desligado da espécie humana", disse Cameron aos jornalistas. "Estava literalmente a observar uma coisa nunca vista. É um local desolado".

Na passadeira vermelha frente ao Royal Albert Hall, em Londres, esteve também Kate Winslet, a protagonista de "Titanic". 15 anos volvidos após o filme que a catapultou para o estrelato, Winslett apareceu deslumbrante num vestido de Jenny Packham, mas ligeiramente nervosa por ir revisitar a sua prestação.

"O meu sotaque americano era mau!", confessou a atriz britânica aos jornalistas, preferindo não fazer mais comentários.

Ausente esteve a outra estrela do filme, Leonardo DiCaprio, que Winslett fez questão de chamar "my litte lovekin", uma expressão inventada que pode ser livremente traduzida como "meu queriduxo amorzinho".

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG