Barbora tem uma perna estragada que a impede de dançar

A bailarina da CNB Barbora Hruskova traz as suas memórias para o palco no espetáculo 'A Perna Esquerda de Tchaikovski'.

"Esta é a minha perna boa. Esta é a minha perna estragada. Este é o meu último espetáculo. Talvez. Digo talvez porque já fiz a minha despedida oficial. Uma bailarina faz a sua despedida oficial num último grande espetáculo. É muito importante. É a última vez que vai dançar. Eu fiz um discurso. Agradeci a todos. Disse adeus. Foi há um ano. E agora estou aqui outra vez. Agora sim, é a última vez. Talvez". De cima do palco do Teatro Camões, em Lisboa, Barbora Hruskova dirige-se ao público com aquele seu sotaque e conta a sua história na primeira pessoa. Desta vez a primeira bailarina da Companhia Nacional de Bailado não é Julieta nem Giselle. É apenas uma bailarina a fazer de uma bailarina. E aquela perna "estragada" é A Perna Esquerda de Tchaikovski.

Leia mais no e-paper do DN

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG