Obras inéditas de Paula Rego na Galeria 111 em Lisboa

Uma exposição com obras inéditas de Paula Rego, entre as quais um conjunto de desenhos em pastel criados nos anos 1970, vai ser inaugurada no sábado na Galeria 111, em Lisboa, anunciou hoje a entidade.

"Paula Rego -- Obras inéditas" é o nome da exposição que a galeria organiza no âmbito das celebrações dos cinquenta anos de existência, aproveitando para assinalar as quatro décadas de trabalho com a pintora portuguesa radicada no Reino Unido.

Fonte da Galeria 111 disse à agência Lusa que a exposição irá reunir, nas obras inéditas, dezoito desenhos a pastel dos finais dos anos 1970, e ainda outras três obras de grandes dimensões.

"Pig's Head", "Fawn" e "Blind Sister" - esta última já de 2014 - obras em pastel sobre papel colado em tela, serão exibidas pela primeira vez.

Além destas, a galeria vai ainda mostrar nesta exposição, até 08 de novembro, obra gráfica da artista.

Desde fevereiro deste ano que a Galeria 111 está a celebrar meio século de existência, tendo já realizado uma exposição de obras de quase todos os artistas que fizeram exposições individuais no espaço fundado por Manuel de Brito.

Criada em Lisboa, em 1964, a Galeria 111 apresentou, ao longo de cinquenta anos, alguns dos mais representativos artistas nacionais, como Álvaro Lapa, Paula Rego, Vespeira, António Palolo, Bartolomeu Cid dos Santos, Ângelo de Sousa, João Vieira e Eduardo Nery, entre outros.

Manuel de Brito (1928-2005) foi um dos primeiros e maiores galeristas e livreiros portugueses do século XX, tendo reunido uma das maiores coleções de arte do país, com cerca de 2.000 peças.

Mais Notícias

Outros conteúdos GMG