Ponte romana de Muge vai ser recuperada

As obras de requalificação da ponte romana de Muge, vão custar aproximadamente 120 mil euros. A intervenção, que começou no passado dia 12, tem como objectivo recuperar um dos mais importantes vestígios da presença romana no concelho de Salvaterra de Magos. Os trabalhos, promovidos pela câmara municipal, que conta com o apoio do Instituto Português do Património (Ippar), incluem ainda o asfaltamento dos acessos à travessia e iluminação daquele monumento.

Para a presidente da Câmara Municipal de Salvaterra de Magos, Ana Cristina Ribeiro, «a reabilitação da ponta romana de Muge, conjugada com a dinamização do centro Interpretativo Cabeço dos Morros (os conhecidos concheiros de Muge), que é o maior complexo mesolítico da Europa, representa uma aposta, e um evidente esforço, de todo o município na defesa e valorização do património histórico do concelho».

O início dos trabalhos de requalificação daquela ponte romana sobre o rio Mugem coincide com o ano em que se festejam o 700. º aniversário da Outorga da Carta do Foral a Muge.

Ler mais

Exclusivos

Premium

Ricardo Paes Mamede

Foi Centeno quem fez descer os juros?

Há dias a agência de notação Standard & Poor's (S&P) subiu o rating de Portugal, levando os juros sobre a dívida pública para os níveis mais baixos de sempre. No mesmo dia, o ministro das Finanças realçava o impacto que as melhorias do rating da República têm vindo a ter nas contas públicas nacionais. A reacção rápida de Centeno teve o propósito óbvio de associar a subida do rating e a descida dos juros às opções de finanças públicas do seu governo. Será justo fazê-lo?