Descarrilamento provoca atrasos na Linha do Norte

A situação está normalizada após "períodos de interrupção total" da circulação

A circulação na Linha do Norte registou hoje atrasos devido ao descarrilamento parcial de um comboio de mercadorias, em Alfarelos, mas a situação está normalizada, informou a Infraestruturas de Portugal (IP).

Uma fonte da IP confirmou que, às 16:45, os três vagões já tinham sido repostos nos carris e que os comboios "puderam retomar a circulação normal" nas duas vias da Linha do Norte.

"Os comboios estiveram a circular no local em via única e registaram alguns atrasos", disse à agência Lusa uma fonte da Comboios de Portugal (CP).

Os condicionamentos do tráfego ferroviário deveram-se à realização dos trabalhos de reparação da via e carrilamento dos vagões que saíram da via, em Alfarelos, concelho de Soure, cerca das 07:00.

Houve ao longo do dia alguns "períodos de interrupção total" da circulação nas duas linhas, mas "foram muito poucos", acrescentou a fonte da CP.

"Os comboios circularam alternadamente por uma única via e houve pequenos períodos em que foram cortadas as duas vias, para uma grua poder trabalhar", afirmou.

As três unidades sinistradas integravam um comboio de mercadorias ao serviço da empresa Medway, antiga CP Carga, constituído por 36 vagões, e que descarrilou por razões ainda por apurar.

Já a fonte da Infraestruturas de Portugal disse ainda que o acidente causou alguns danos materiais na via-férrea, mas "não houve feridos".

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular