TVI e Expresso denunciam alegada "teia de estruturas offshore" de empresário Vasco Pereira Coutinho

"Papéis do Panamá" identificam empresário como beneficiário final de estrutura com offshores nas Bahamas, Estado do Delaware (EUA), Ilhas Virgens Britânicas e Malta

Goldeneye - como no filme de James Bond - é o nome da empresa que, de acordo com a investigação da TVI, Expresso e Consórcio Internacional de Jornalistas o empresário Vasco Pereira Coutinho criou em 2009, nas ilhas Virgens Britânicas, e que de acordo com estes funcionaria "como centro nevrálgico de uma parte do seu império, onde se destacam investimentos imobiliários avultados em vários países".

De acordo com uma notícia publicada esta noite na página da Internet da TVI24, a fuga de informação de documentos da sociedade de advogados panamiana Mossack Fonseca permite mostrar que "a Goldeneye controlava a Try-Vin Holdings, de Malta, que, por seu lado, detinha a Valco Holding (das Ilhas Virgens), bem como 90% da empresa portuguesa Cidade do Porto - Investimentos Imobiliários.

TVI e Expresso dizem ter tentado contactar o empresário através da Temple - uma das empresas que gere - mas este, ausente do país, não terá respondido às questões colocadas.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Portugal
Pub
Pub