Calvão da Silva é novo ministro da Administração Interna

Imagem de arquivo

O catedrático da Universidade de Coimbra regressa ao Governo 30 anos depois de ter feito parte de um executivo PS/PSD liderado por Soares

Com 63 anos, João Calvão da Silva foi, entre 1983 e 1985, secretário de Estado adjunto do vice-primeiro-ministro Mota Pinto no Governo formado por um acordo de incidência parlamentar entre o Partido Socialista e o Partido Social Democrata e presidido por Mário Soares.

Especialista em direito bancário, bolsa e seguros, o novo ministro da Administração Interna foi também deputado na Assembleia da República, entre 1995 e 1999, antigo membro do Conselho Superior da Magistratura e do Conselho Superior do Ministério Público.

João Calvão da Silva, autor de vários livros no âmbito do direito privado, foi igualmente presidente do conselho fiscal da TAP e administrador bancário e de seguros.

A nível académico, além de catedrático da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, João Calvão da Silva é igualmente professor de mestrado da Faculdade de Direito da Universidade Agostinho Neto, em Luanda, da Universidade Politécnica de Maputo e da Faculdade de Direito da Universidade de Macau.

Nascido a 20 de fevereiro de 1952 no concelho de Montalegre, distrito de Vila Real, o novo ministro da Administração Interna é ainda membro da Academia Brasileira do Direito Civil, presidente do Instituto de Direito Bancário, da Bolsa e dos Seguros e árbitro no Centro de Arbitragem da Associação Comercial e Industrial de Lisboa e no Centro de Arbitragem e Mediação Câmara de Comércio Brasil.

Relacionadas

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular