Maioria chumba resgate das obras de Miró

PSD e CDS inviabilizam proposta do PCP para que os quadros regressassem a território nacional.

A maioria PSD/CDS chumbou esta sexta-feira, no Parlamento, o projeto de resolução apresentado pelo PCP que determinava o "resgate das 85 obras de Joan Miró para território nacional".

A oposição (PS, PCP, BE e PEV) votou toda favoravelmente à recuperação do espólio do pintor e escultor catalão. Em causa estava uma coleção de arte que o Governo quis vender em leilão no início deste mês, em Londres, mas acabou por gerar polémica por causa de uma providência cautelar e de ilegalidades detetadas na saída das obras do País, sem ter sido feita uma inventariação e classificação, que o deputado comunista Miguel Tiago ainda esta semana defendera.

O leilão foi cancelado pela Christie's, mas o Executivo mantém a intenção de venda das obras.

Na votação estiveram presentes 208 deputados.

Últimas notícias

Mais popular