Edson Athayde na corda bamba. PS está quase a despedi-lo

O DN sabe que a prestação do publicitário é avaliada pelo secretário-geral, António Costa, como "muito negativa".

Edson Athayde, o publicitário que está agora a trabalhar outra vez para o PS recusa comentar ao DN as críticas aos cartazes que tem produzido para a campanha que pretende levar António Costa a primeiro-

-ministro.

Os cartazes foram afixados com luz verde prévia do líder do partido - como o são todos os materiais de propaganda do PS. Mas este, segundo soube o DN de fontes da direção do partido, Costa percebeu, depois de ver os cartazes afixados, que eram no mínimo de eficácia duvidosa.

Leia mais na edição impressa ou no e-paper do DN

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Política
Pub
Pub