Duque de Bragança cidadão timorense

O duque de Bragança recebeu hoje a nacionalidade timorense atribuída pelo presidente do parlamento de Timor-Leste, Fernando La Sama Araújo, tendo depois sido condecorado com a Ordem Mérito pelo chefe de Estado do país, José Ramos-Horta.

"É um gesto de grande simpatia e que muito me alegra e honra da parte do parlamento timorense, que eu acho que ultrapassa uma relação pessoal e que tem a ver de algum modo com a ligação entre Portugal e Timor", disse no final da cerimónia de entrega da nacionalidade.

A cerimónia decorreu no gabinete do presidente do parlamento timorense.

De seguida, Duarte Pio de Bragança deslocou-se para o Palácio Presidencial onde foi condecorado com a Ordem de Mérito pelo chefe de Estado timorense, a primeira que recebe de um governo.

A Ordem de Mérito pretende demonstrar o reconhecimento de Timor-Leste às pessoas que contribuíram para a causa timorense.

O duque de Bragança "dedicou uma grande parte da sua vida a defender a causa da justiça, da liberdade do povo timorense", afirmou José Ramos-Horta, agradecendo o apoio dado aos timorenses deslocados em Lisboa.

O chefe de Estado timorense destacou também que continua a contar com o Duque de Bragança como "embaixador itinerante, da boa vontade de Timor-Leste" em Portugal e em todos os países.

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular