Cristas promete apoios para vitivinicultores do Douro

A ministra da Agricultura disse hoje que haverá apoios para os vitivinicultores do Douro que perderam as sua produções, após a intempérie que se abateu sobre a região do Douro.

"Vai haver apoios e está ser efetuado um levantamento no terreno, desde a primeira hora. Estamos a falar de cerca 700 hectares de terreno afetados, o que se traduz numa centena produtores prejudicados", disse Assunção Cristas.

No terreno será feito um "tratamento", já no "imediato", para que as videiras possam dar continuidade, disse ainda a ministra da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do ordenamento do Território (MAMAOT).

"O tratamento será feito através de cobre e com cal para que plantas nas não se percam no futuro ", assegurou a governante.

O direito à produção de Vinho do Porto será mantido, mesmo para aquelas pessoas que perderam, ou vejam afetadas a produção.

"Esse direito foi sinalizado para poder ser transacionado, para o próximo [ano vinícola] e será válido para todas as pessoas", conclui a ministra da Agricultura.

A queda de granizo e vento forte provocaram, na quarta-feira, estragos em vinhas, pomares, olivais e hortas de três freguesias do concelho de Sabrosa, em área inserida na Região Demarcada do Douro.

Últimas notícias

Mais popular