Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Subsídios

CDS acusa tribunal de induzir corte nos privados

por Hugo Filipe Coelho  

Nuno Magalhães do CDS-PP
Nuno Magalhães do CDS-PP

Nuno Magalhães acusou os juízes do Tribunal Constitucional de "induzirem" um corte nos subsídios dos trabalhadores do sector privado e de assumirem "poderes orçamentais".

Em conferência de imprensa, o líder parlamentar do CDS questionou os fundamentos do acórdão que declara inconstitucional os cortes nos subsídios do sector público e dos pensionistas.

Magalhães assegurou que o CDS respeita e acata a decisão do tribunal e não se comprometeu com nenhuma medida para compensar o aumento da despesa. "A alternativa "vai ser discutida no momento próprio e esse é o Orçamento do Estado para 2013", disse.

O líder centrista escusou-se a comentar as declarações do primeiro-ministro que, no momento em que soube da notícia do tribunal, admitiu alargar o corte a todos os contribuintes.

"O primeiro-ministro é líder do Governo. O CDS tem um acordo de governo. O que tiver a comentar fará nos locais próprios".

O PSD, pela voz do líder parlamentar, também se demarcou do acórdão do tribunal e atirou para o Orçamento do Estado de 2013 a apresentação de medidas que compensem a reposição dos subsídios.


Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
Patrocínio
 
6339Visualizações
6Impressões
184Comentários
1Envio
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
RELACIONADO
 
TAGS
 
Comentar

Se tem conta, faça Login

Email

Password




PUB
NOS ConferênciaPrémioInovaçãoNOS - DN Destaque

Especiais

Recuar
Avançar
PEPE Jornadas Empreendedorismo Turismo - DN Destaque
BT Edições Multimédia
Epaper



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Pensa que as taxas de juro negativas são boa notícia para as famílias portuguesas?

Sim
Não
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper