Mulheres exigem direito a fazer topless com manif em topless

Dezenas de mulheres seminuas, com apoio de manifestantes vestidos, fizeram protesto em Buenos Aires

As mulheres argentinas querem ter o direito de apanhar sol em topless. Dezenas de manifestantes seminuas protestaram nas ruas de Buenos Aires, com o apoio de manifestantes vestidos.

Os protestos têm vindo a acontecer um pouco por todo o país nas últimas semanas, depois de, em janeiro, a polícia ter pedido a um grupo de mulheres que estava em topless na praia para abandonar o local.

Não é completamente claro, segundo a Reuters, se a lei da Argentina permite ou não a prática. A polícia cita um artigo do código penal que proíbe "exibições obscenas" para justificar o episódio que levou a estas manifestações. No entanto, depois disso, pelo menos um juiz já decidiu que não é crime fazer topless na praia.

"O que é natural não se reprime", "As mamas não são crime", "As únicas mamas que incomodam são aquelas que não estão à venda" foram algumas das frases de ordem gritadas ou escritas durante o protesto, cujos participantes defendem que o incidente na praia é exemplo da desigualdade entre homens e mulheres na Argentina.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular

  • no dn.pt
  • Mundo
Pub
Pub