Antiga jornalista acusa Bill Clinton de toques de cariz sexual

Leslie Millwee acusa Bill Clinton de a ter tocado com cariz sexual

Leslie Millwee disse em entrevista a um site de apoio a Trump que Bill Clinton tentou tocar-lhe várias vezes

Uma antiga jornalista de televisão acusou Bill Clinton de toques de cariz sexual, em 1980, quando era governador do Arkansas, num testemunho em vídeo divulgado esta quarta-feira pelo sítio na Internet Breibart.com, que apoia Donald Trump.

Leslie Millwee, que se chamava na altura Leslie Derrick e que entrevistou Bill Clinton cerca de 20 vezes, disse que o antigo Presidente norte-americano tentou tocar-lhe três vezes, numa sala de reunião do canal de televisão onde trabalhou no Arkansas.

"Eu estava sentada numa cadeira, ele veio para trás de mim e começou a esfregar-me os ombros e a baixar as mãos para os meus seios. Fiquei chocada, paralisada. Pedi-lhe para parar e ele riu-se", afirmou Leslie Millwee.

A antiga jornalista disse também que em outras duas ocasiões Bill Clinton tentou "esfregar o pénis" contra ela e que chegou a deslocar-se a sua casa para a ver.

Veja aqui o vídeo da entrevista:

O site conservador Breitbart.com apoia o candidato republicano Donald Trump às eleições de novembro nos Estados Unidos. O empresário contratou mesmo o dono daquela publicação 'online' para seu diretor-geral de campanha.

Esta quarta-feira realiza-se o terceiro e último debate entre a candidata democrata às presidenciais Hillary Clinton e Donald Trump.

Últimas notícias

Conteúdo Patrocinado

Mais popular