Publicidade
Diário de Notícias Diário de Notícias


Comunidades

Contestação à reforma do ensino do português era esperada

por Lusa  

O secretário de Estado das Comunidades Portuguesas disse na sexta-feira em Londres que já esperava contestação às reformas do ensino do português no estrangeiro, mas adiantou que o processo de inscrições na internet está a decorrer "satisfatoriamente".

"Tive reações de alguma contestação, é evidente. Também não esperava outra coisa, embora também já tenha algumas reações de apoio", afirmou José Cesário em Londres à agência Lusa.

O Governo determinou que os alunos que pretendam frequentar aulas de português no ensino paralelo no estrangeiro no próximo ano letivo têm que fazer uma pré-inscrição online e passar a pagar uma propina anual de 120 euros, medidas contestadas por sindicatos, pais, professores e representantes das comunidades.

O processo de inscrições, revelou, está a decorrer "satisfatoriamente" e até ao final da manhã de sexta-feira já tinham sido feitas "mais de 16.500 inscrições" na Europa.

O secretário de Estado disse estar convencido de que este processo vai permitir avaliar melhor as "necessidades reais" da rede nos respetivos países, como é o caso do Reino Unido, onde, criticou: "está muito mal feita, não tem lógica nenhuma".

De acordo com José Cesário, a rede "tem professores em locais com turmas de três, quatro, cinco alunos e não tem em locais onde se calhar há dezenas de alunos".


Ler Artigo Completo(Pág.1/2) Página seguinte
Patrocínio
 
1971Visualizações
10Impressões
2Comentários
1Envio
Ferramentas

Enviar por EmailEnviar por EmailPartilharPartilhar
ImprimirImprimir
Aumentar TextoAumentar TextoDiminuir TextoDiminuir Texto

FERRAMENTAS
 
  • Enviar por EmailEnviar
  • PartilharPartilhar
  • ImprimirImprimir
  • Comentar este ArtigoComentar este Artigo
  • Aumentar TextoAumentar Texto
  • Diminuir TextoDiminuir Texto
 
PARTILHAR NOTíCIA
 
TAGS
 


PUB

NOTÍCIAS Mais VISTAS

Continente UVA D'OURO 2015 DN 300x100
Btn EdMultimedia - Geral



PUBLICIDADE

sondagem

Inquérito DN

Agora que Pedro Santana Lopes se afastou da corrida, quem pensa que seria melhor candidato presidencial da direita?

Marcelo Rebelo de Sousa
Rui Rio
Deveriam ambos candidatar-se
Votar  Ver Resultados



DN

Epaper

Epaper